fbpx
PUBLICIDADE

Sessão de ‘O Jardim das Aflições’ na UFRJ terá mesa redonda sobre ‘guerra cultural’

Movimento UFRJ Livre organiza o evento na Ilha do Fundão, que tem vagas limitadas; o ingresso será 1 kg de alimento não perecível
(Foto: Reprodução / Facebook)
(Foto: Reprodução / Facebook)

O filme “O Jardim das Aflições”, sobre o filósofo Olavo de Carvalho, que já foi exibido em sessões conturbadas em universidades na Bahia e em Pernambuco, depois de ter sido boicotado em um festival de cinema, desembarcará agora na Universidade Federal do Rio de Janeiro. A iniciativa da exibição é do grupo liberal UFRJ Livre.

A sessão acontece no próximo dia 8, a partir das 15h. Logo depois da transmissão do filme, haverá uma mesa redonda com três convidados, que abordarão o tema “Guerra cultural”: a ex-feminista, palestrante e escritora Sara Winter, o vereador de Niterói Carlos Jordy (PSC) e o jornalista Lucas Berlanza, autor do “Guia Bibliográfico da Nova Direita: 39 livros para compreender o fenômeno brasileiro”.

Sara Winter comentou em seu perfil pessoal que “os esquerdistas já estão se organizando pra ‘brotar lá com o bonde’, como eles mesmos já estão divulgando” e frisou que “não podemos permitir mais agressões físicas e nem que tentem destruir o evento”. A exibição será no auditório André Rebouças, no bloco D, sala 22o, localizado no Centro de Tecnologia da Ilha do Fundão. O ingresso é 1 kg de alimento não perecível e as vagas são limitadas.

O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Siga o Boletim

Leia também