fbpx
PUBLICIDADE

Rodrigo Maia recebe assinaturas de projeto sobre segurança pública do MBL

Arthur do Val, do canal "Mamãe Falei", e Kim Kataguiri, coordenador nacional do MBL, estiveram em Brasília para entregar pessoalmente as assinaturas ao presidente da Câmara dos Deputados
Foto: Politize
Foto: Politize
PUBLICIDADE

Kim Kataguiri, coordenador nacional do Movimento Brasil Livre, e Arthur do Val, do canal “Mamãe Falei”, se reuniram na última quarta-feira (12) em Brasília com Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados. O objetivo do encontro foi a entrega das assinaturas coletadas na campanha sobre segurança pública empreendida pelo MBL desde junho.

PUBLICIDADE

As mudanças que o MBL está propondo têm a ver com o endurecimento do cumprimento de pena. Além de prever o cumprimento mínimo de dois terços da sentença, a iniciativa prevê ainda o fim do regime semiaberto.

No vídeo, Arthur do Val pergunta à Rodrigo Maia se ele pretende pautar esse projeto de lei. O presidente da Câmara dos Deputados, por sua vez, disse que pretende dedicar nos próximos meses uma série de votações relacionadas à segurança pública, frisando que ele próprio, por ser do Rio de Janeiro, entende a importância desse tema.

PUBLICIDADE

Leia também:  Em grito de ordem, MBL pede prisão de ministro de Bolsonaro

“Quanto mais duras as penas, mais as pessoas vão pensar antes de cometer qualquer tipo de delito. Esse projeto vem nessa linha: de colaborar com a redução da violência e da corrupção no Brasil. Por isso, vou incluí-los no diálogo que farei com os membros da Comissão de Segurança e vou pedir que eles incluam a discussão e a votação dessa matéria”, respondeu.

Compartilhe essa notícia:

Leu até aqui? Siga nas redes!

MARCAS APOIADORAS

O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama