fbpx
PUBLICIDADE

PSL lança vídeo sobre segurança pública, defendendo a legalização da maconha

Animação de quatro minutos explica de maneira clara a posição oficial do partido sobre o assunto; legenda defende uma revisão de prioridades e foco na defesa da vida

O Partido Social Liberal divulgou ontem (14) em sua página do Facebook uma vídeo-animação em que trata, especificamente, sobre segurança pública. Essa é mais uma das ações que visam reforçar a nova identidade da legenda, que tem passado por um intenso processo de transformação e se projeta, inclusive, para mudar de nome, tornando-se em breve apenas “Livres”.

Segundo o diretor de comunicação do PSL, Mano Ferreira, a iniciativa foi “a primeira publicação contundente do partido em relação ao assunto”. “Enquanto o Brasil possui mais de 60 mil homicídios ao ano e índices de resolução dos casos inferior a 10%, não faz sentido dispersar esforços do aparato policial e da justiça para perseguir uma substância. Precisamos priorizar a vida”, comenta Ferreira com exclusividade ao Boletim.

Essa posição deve ser mencionada também no programa que o PSL/Livres levará ao ar em rede nacional de televisão nesta quinta-feira (16) às 20h30min.





Assista:

Compartilhe essa notícia:




O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama