fbpx

Objetivismo Brasil lança curso inédito sobre “A Revolta de Atlas”

Matheus Pacini, CEO do Instituto, explica principais pontos que serão abordados durante o curso
A Revolta de Atlas (Ayn Rand) - Objetivismo Brasil
Foto: Reprodução

Compartilhe

O Instituto Objetivismo Brasil acaba de lançar um novo curso dedicado ao estudo aprofundado de “A Revolta de Atlas”, obra emblemática da filósofa e romancista russo-americana Ayn Rand. O curso oferece aos participantes uma compreensão profunda dos temas e da filosofia do Objetivismo.

Matheus Pacini, CEO do Instituto Objetivismo Brasil, concedeu uma entrevista na qual compartilhou detalhes sobre o curso e a importância da obra de Rand. De acordo com Pacini, “o tema principal de ‘A Revolta de Atlas’, segundo Ayn Rand, é ‘o papel da mente na existência humana’. O livro mostra que a mente é a raiz de todo conhecimento e valores humanos, e sua ausência é a raiz de todo mal,” explicou.

Publicado em 1957, “A Revolta de Atlas” se passa em um futuro distópico onde o governo tem controle excessivo sobre a economia e a população. Os inovadores e empresários começam a desaparecer misteriosamente, levando a sociedade ao colapso. “A trama central segue Dagny Taggart, uma executiva ferroviária, enquanto luta para salvar sua empresa e descobrir o segredo por trás das desaparições. É uma narrativa sobre a revolta dos produtores e pensadores contra um sistema que os sacrifica pelo ‘bem comum'”, destacou Pacini.

Leia também:  Calendário Liberdade: Confira os eventos de julho do movimento liberal

Filosofia do Objetivismo

Ayn Rand desenvolveu a filosofia do Objetivismo, que defende a razão como o único meio de adquirir conhecimento. Além disso, defende o egoísmo racional como a base da moralidade, e o capitalismo laissez-faire como o único sistema econômico moral. “John Galt, um dos personagens centrais, afirma: ‘Eu juro pela minha vida e pelo meu amor a ela que jamais viverei por outro homem, nem pedirei a outro homem que viva por mim’,” citou Pacini, ressaltando a ênfase de Rand na liberdade individual.

Impacto na Comunidade Empresarial

“A Revolta de Atlas” é uma leitura favorita entre muitos empresários. “Os heróis do livro são frequentemente empresários que amam profundamente e se destacam em seu trabalho. A devoção deles às suas carreiras exige um compromisso com virtudes como pensamento, integridade, coragem e responsabilidade,” observou Pacini. “Importante notar que muitos dos vilões também são empresários, mas eles traem a verdadeira natureza dos negócios, usando-os como um meio de apropriar-se dos valores produzidos por outros.”

Leia também:  Calendário Liberdade: Confira os eventos de julho do movimento liberal

Inscrição e Grupo de Estudos

Os inscritos no curso têm acesso exclusivo a um grupo de estudos sobre o livro via WhatsApp, para receber comunicados e materiais do curso. Além disso, o Instituto oferece um Plano de Membros que pode ser detalhado em uma reunião de boas-vindas com Matheus Pacini. Clique aqui para acessar o grupo. 

O curso “A Revolta de Atlas” do Instituto Objetivismo Brasil é uma oportunidade única para mergulhar na filosofia de Ayn Rand e aplicar suas ideias na vida pessoal e profissional. “A mensagem final de Rand é que a vida humana e a sociedade prosperam quando são baseadas na liberdade individual, na razão e no respeito aos direitos do indivíduo de buscar sua própria felicidade,” concluiu Pacini.

Leia também:  Calendário Liberdade: Confira os eventos de julho do movimento liberal

Assine o Boletim da Liberdade e tenha acesso, entre outros, às edições semanais da coluna panorama

plugins premium WordPress
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?