fbpx

“São Paulo não tem prefeito”, diz Kim Kataguiri

O deputado federal concedeu entrevista ao Boletim da Liberdade, abrindo a série de exclusivas com pré-candidatos às prefeituras das capitais
Deputado Kim Kataguiri

Compartilhe

Kim Kataguiri (União/SP) disse que a cidade de São Paulo não tem prefeito. Ele afirmou que a população desconhece o rosto de Ricardo Nunes, em entrevista ao Boletim da Liberdade que foi ao ar nesta terça-feira (29).

“São Paulo não tem prefeito. Ninguém sabe quem é o prefeito da cidade. É um sujeito que não resolve os problemas da cidade. É um completo desconhecido, que desconhece os problemas, que não frequenta os problemas que se tem na rua”, disse. Kataguiri criticou a forma como o atual prefeito da capital paulista faz política. O parlamentar destacou ainda que Nunes é um político de Centro. O que poderia, dessa forma, acabar levando os votos da direita caso nomes alternativos não disputem a eleição.

Leia também:  'Politinder': carioca lança iniciativa na web para match eleitoral

“Ele [Ricardo Nunes] faz uma política de gabinete, de não ser o melhor candidato, mas de tentar impedir que outros lancem candidatura, principalmente, no espectro da direita para que ele, sendo um candidato de Centro, acaba levando por osmose os votos da direita”.

Durante a entrevista, Kataguiri revelou a motivação em colocar seu nome a disposição nas prévias do MBL e de seu partido, o União Brasil. “São Paulo precisa de um representante de direita, como pré-candidato, para disputar as eleições, principalmente tendo em vista que o favorito nas eleições da cidade de São Paulo, hoje, infelizmente, é Guilherme Boulos do Psol. É inimaginável você ver a maior cidade da América Latina sendo administrada por um dos partidos mais radicais da esquerda brasileira”.

Leia também:  Portinho coordenará campanha de Ramagem à prefeitura do Rio

Indicadores

Do mesmo modo, o pré-candidato, vê como inaceitável a cidade ‘mais rica e mais populosa do Brasil’ ficar para trás em indicadores de educação, saúde e segurança. “A cidade mais rica e mais populosa do país tem o dever de buscar a excelência, de buscar as primeiras colocações em todos os seus serviços públicos. Hoje a gente presta serviços públicos medíocres. Sem falar que a cidade está absolutamente largada para o crime organizado, por meio do tráfico de crack, com a cracolância; e também para o crime desorganizado”.

Kim Kataguiri abriu a série de entrevistas que o Boletim fará com pré-candidatos a prefeituras das principais capitais do Brasil, nas eleições de 2024. A entrevista completa está disponível em nosso canal no YouTube: youtube.com/@BoletimDaLiberdade.

Leia também:  Iniciativa privada poderá gerir 33 escolas públicas de SP com PPP

Assine o Boletim da Liberdade e tenha acesso, entre outros, às edições semanais da coluna panorama

plugins premium WordPress
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?