fbpx

CPI das Apostas de Futebol terá apoio da PF nas investigações

As associações de empresas de apostas esportivas devem comparecer à comissão

Compartilhe

A Polícia Federal designou o delegado Sergio Eduardo Busato para auxiliar as investigações da CPI da Câmara dos Deputados sobre manipulação de resultado em partidas de futebol. O anúncio foi feito pelo relator, deputado Felipe Carreras (PSB-PE), que espera nova fase da apuração, com mais foco nas empresas de apostas.

“A gente começa agora a fase de nos debruçar, com inteligência policial, nas convocações e convites para que tenhamos empresas presentes aqui, respondendo a CPI. Talvez até com quebra de sigilo para ampliarmos as investigações em curso”, disse.

O deputado Luciano Vieira (PL/RJ) avalia que o foco nas empresas é fundamental, sobretudo diante da MP 1182/23 que regulamenta a exploração de apostas esportivas. “Estamos no momento da regulamentação junto ao governo federal. Então, de imediato, antes de regulamentar qualquer empresa, nós temos que quebrar o sigilo bancário dela e ver quem está certo e quem está errado. É o princípio de tudo.”

Leia também:  Brasil sediará Copa do Mundo feminina em 2027

O vice-presidente da CPI, deputado Daniel Agrobom (PL/GO), admite até duas reuniões semanais para ouvir as empresas convocadas e convidadas. Antes, porém, as associações de empresas de apostas esportivas devem comparecer à comissão. O deputado Delegado da Cunha (PP-SP) também cobrou depoimentos prévios de representantes da Justiça Desportiva e da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Assine o Boletim da Liberdade e tenha acesso, entre outros, às edições semanais da coluna panorama

plugins premium WordPress
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?