fbpx

Lira acata pedido do PT e Rui Costa não depõe na CPI do MST

Lira cancela presença do ministro Rui Costa na CPI do MST
O depoimento do ministro da Casa Civil estava marcado para a tarde desta quarta (9)

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP/AL) aceitou um recurso do PT e cancelou a convocação de Rui Costa na CPI do MST. O depoimento do ministro da Casa Civil estava marcado para a tarde desta quarta (9). O presidente da Câmara entendeu que a justificativa para a oitiva de Costa, ex-governador da Bahia, não foi devidamente fundamentada.

“No caso em tela, não se demonstrou no requerimento a conexão entre as atribuições do ministro da Casa Civil da Presidência da República e os fatos investigados pela CPI sobre o MST”, decidiu o presidente.

No entanto, o deputado Kim Kataguiri (DEM) disse que a decisão foi “ilegal, ‘antirregimental’e anula o requerimento de convocação do Ministro Rui Costa, só mostrando que, sim, existe aí, algum segredinho sujo que nos precisamos investigar. Porque o desespero para blindar esse ministro do governo é muito grande”.

Ex-MST

Entre invasão de casas, sequestros e espancamento, Joviniano José Rodrigues e Noêmia José dos Santos relataram como era ser membro do MST. Eles eram assentados da área 3, na fazenda Palmeira, em Goiás e depuseram na CPI do MST, nesta quarta.  Eles revelaram que recebiam convites para participarem de uma escola de formação em Santa Catarina. “A escola é o preparo dos assentados para a guerrilha e invasões”, destacou Joviniano.

Além disso, o ex-MST afirmou que quando o movimento promove ações de invasão, os assentados recebem armas. Entre elas estão espingardas, facões e metralhadoras.

Compartilhe essa notícia:

Assine o Boletim da Liberdade e tenha acesso, entre outros, às edições semanais da coluna panorama

plugins premium WordPress
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?