fbpx

Integrantes do MBL são espancados na UFSC

Os membros do MBL agredidos registraram boletim de ocorrência após o ocorrido

Integrantes do Movimento Brasil Livre (MBL) foram encurralados e agredidos nesta quinta-feira (13) no Campus da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Um dos criminosos portava arma branca.

Leia também: UJL teme risco de agressão em Congresso da UNE com Lula

Gabriel Costenaro, Faustino e João Bettega foram cercados por militantes de esquerda usando máscaras para esconderem o rosto. Um dos criminosos, segundo eles, portava uma faca e tentou esfaquear um dos integrantes. O momento foi capturado em vídeo.

Em vídeo publicado nas redes sociais, Bettega aparece com o rosto machucado e relatou ter sido cercado por cinco pessoas que o espancaram. “Levei socos, chutes, cotoveladas, inclusive, levei coronhada também. Eu quase morri”, relatou.

“Estavamos na UFSC para pintar paredes vandalizadas no centro acadêmico quando criminosos esquerdistas organizaram uma emboscada, nos espancaram e roubaram nossos pertences”, disse Faustino.

Os membros do MBL agredidos registraram boletim de ocorrência após o ocorrido. A tag #CrimeNaUFSC está entre as mais comentadas do Twitter. A reitoria da UFSC ainda não se manifestou sobre o caso.

Compartilhe essa notícia:

Assine o Boletim da Liberdade e tenha acesso, entre outros, às edições semanais da coluna panorama

plugins premium WordPress
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?