fbpx

Pré-candidato à Presidência defende renda mínima para os ‘que mais precisam’

O nome de André Janones já tinha sido objeto de comentários de integrantes do Movimento Brasil Livre; Renan Santos, coordenador do movimento, manifestou diversas vezes suas preocupações com o político mineiro

Um novo pré-candidato à Presidência da República foi anunciado neste sábado (29). É o deputado André Janones (Avante-MG). Em um discurso feito para oficializar a pré-candidatura por seu partido, ele defendeu como promessa de campanha a oferta de uma renda mínima aos brasileiros mais vulneráveis. [1]

“Vamos encampar essa campanha de um programa de renda mínima para aqueles que mais precisam. E quando eu falo sobre isso, a primeira coisa que sempre me perguntam em qualquer entrevista ou debate é ‘vai tirar dinheiro de onde?’. Ninguém nunca perguntou de onde vai tirar dinheiro para pagar o juro a banqueiro, para pagar amortização de dívida, para pagar privilégio de político”, alegou Janones.

Janones criticou diversas vezes a “polarização política” entre direita e esquerda e rejeitou pautas como o porte de armas de fogo, o movimento Escola Sem Partido e a agenda da ideologia de gênero. Para ele, todas essas bandeiras são distrações dos problemas reais do país.

“Ela (a população) até queria poder falar do ‘partido sem escola’, mas ela não pode opinar sobre isso porque está com fome, ela não tem o que comer hoje à noite, ela não tem garantia de que amanhã vai conseguir se alimentar. Então, para essas pessoas, essas discussões ideológicas são discussões absolutamente secundárias”, sentenciou.

O parlamentar ainda afirmou que pretende exercer um mandato participativo caso seja eleito. Disse que é possível discutir “combate à corrupção enquanto se dá comida a quem tem fome” e que a preservação do meio ambiente seria mais fácil se fossem implementadas políticas sociais para melhoras as condições de vida das pessoas.

O nome de André Janones já tinha sido objeto de comentários de integrantes do Movimento Brasil Livre. Renan Santos, coordenador do movimento, manifestou diversas vezes suas preocupações com o político mineiro, já tendo dito que “ninguém se comunica melhor” com o eleitorado pobre “do que o André Janones”. [2]

Compartilhe essa notícia:

Assine o Boletim da Liberdade e tenha acesso, entre outros, às edições semanais da coluna panorama

plugins premium WordPress
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?