fbpx

EUA celebram abertura de negociações formais para adesão do Brasil na OCDE

Movimento é um dos mais buscados pelo governo Jair Bolsonaro; Estados Unidos, por meio da embaixada, afirmou que apoia os esforços para atingir o objetivo

A notícia da aprovação formal para que o Brasil, em conjunto com outros países, inicie as discussões e avaliações de adesão na OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico) foi comemorada pelos Estados Unidos. [1]

Em nota, a embaixada norte-americana disse que o país recebe “com entusiasmo” a decisão e “expressa, pública e privadamente, seu apoio aos esforços do Brasil para buscar a adesão à OCDE”.

Além do Brasil, foram aprovadas discussão de adesão para a Argentina, Bulgária, Croácia, Peru e Romênia.

Avaliação

Dentre os valores que a organização considera importantes para dar prosseguimento às negociações, estão a preservação da liberdade individual, os valores da democracia, o Estado de Direito e a proteção dos direitos humanos, além do “valor de economias de mercado abertas, competitivas, sustentáveis e transparentes”.

Leia também:  Financial Times destaca corrupção e sensação de impunidade no Brasil

Na sequência, a OCDE avaliará que a “legislação, política e práticas se enquadram às normas” da organização.

“Os EUA esperam trabalhar em conjunto com nossos colegas para apoiar o Brasil neste processo e em seus esforços para cumprir os requisitos de adesão”, disse a entidade.

Compartilhe essa notícia:

Assine o Boletim da Liberdade e tenha acesso, entre outros, às edições semanais da coluna panorama

plugins premium WordPress
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?