fbpx
PUBLICIDADE

Associação liberal auxiliou centenas de brasileiros a não se alistarem

Constituição Federal prevê a possibilidade de se alegar imperativo de consciência e, com isso, se eximir de atividades militares
Militares brasileiros (Foto: Divulgação/EB)
PUBLICIDADE

A associação liberal Livres atuou para que 573 brasileiros se livrassem do alistamento militar. A informação foi publicada na noite desta terça-feira (21) pela jornalista Mônica Bergamo, do jornal “Folha de S. Paulo”. [1]

PUBLICIDADE

O grupo auxiliaria os jovens a alegarem “imperativo de consciência” para recusar o alistamento.

Assine o Boletim da Liberdade para continuar lendo

Este é um conteúdo exclusivo para assinantes. Caso você já seja um assinante, clique em "Minha Conta" ou no botão "Login" e coloque seu e-mail de assinante.

PUBLICIDADE

Assine

Assine o Boletim da Liberdade
e tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos.
Compartilhe essa notícia:
Leia também:  Livres é finalista do Prêmio Liberty da América Latina de 2022

APOIO

Obrigado por ter lido até aqui.

O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Você tem certeza que deseja cancelar sua assinatura?