fbpx
PUBLICIDADE

EUA: Governo Biden toma decisão sobre ‘passaportes de vacinados’

Informação foi confirmada pela própria secretária de imprensa da Casa Branca, Jen Psaki
Foto: David Lienemann / Wikimedia

A expectativa de controle da pandemia de Covid-19 com a ascensão da vacinação tem gerado discussões sobre a conveniência de se adotar documentos distinguindo cidadãos imunizados daqueles que não o foram. Nos Estados Unidos, no entanto, iniciativas como essas não devem contar com o apoio oficial do governo Joe Biden. [1]

Em declaração à imprensa nesta sexta-feira (6), Jen Psaki, secretária de imprensa da Casa Branca, salientou que o governo federal “não está apoiando agora, nem vai apoiar” um sistema “que exige aos americanos portar uma credencial”.

“Não haverá base de dados federal de vacinações, nem ordem federal exigindo que todos obtenham uma única credencial de vacinação”, afirmou.





O posicionamento de Biden, democrata, vai ao encontro do defendido pelos republicanos. Nesta terça-feira (6), o governador do Texas, Greg Abott, proibiu agências do governo estadual ou empresas privadas com contratos com o governo de realizarem qualquer tipo de discriminação. Sem desvalorizar a importância da vacinação, o político defende a voluntariedade do ato. [2]





O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama