fbpx
PUBLICIDADE

Paulo Guedes defende inclusão de nova taxa em Imposto de Renda

O ministro considera que cobrança de taxa sobre valorização de imóveis com atualização regular dos preços é melhor que modelo atual; ele também defendeu impostos sobre transações
Paulo Guedes (Foto: Wilson Dias/Agência Brasil)
PUBLICIDADE

O ministro da Economia Paulo Guedes se pronunciou em transmissão ao vivo pelo site Jota, nesta sexta-feira (12), sobre uma medida que o governo deve anunciar nos próximos dias. Segundo ele, a proposta é incluir no Imposto de Renda a cobrança de uma taxa pela valorização dos imóveis declarados. [1]

PUBLICIDADE

Na visão do ministro, atualizar os preços dos imóveis regularmente e pagar “extraordinariamente” cerca de 3 a 4% do valor é uma alternativa mais interessante que pagar 15% de Imposto de Renda sobre Ganho de Capital apenas quando o imóvel for vendido.

Atualmente, essa taxa entre 15 a 22,5% sobre a diferença entre o preço da compra original e o valor da venda do imóvel, o lucro imobiliário, é paga só no momento da venda.

PUBLICIDADE

Leia também:  Câmara aprova texto-base de projeto que tributa dividendos de PJ

Paulo Guedes acredita que permitir uma atualização do valor do imóvel cobrando de imediato uma taxa menor sobre o aumento do preço representa também mais receita para os cofres públicos nos próximos anos. “Vem por aí bastante novidade, coisas boas, simples. Simplificações tributárias estão prontas e devem vir fatiadas”, prometeu.

Na mesma transmissão, o ministro voltou a defender a criação de um tributo sobre transações como a extinta CPMF, em substituição aos IPIs (Impostos sobre Produtos Industrializados). “O ideal seria acabar com os IPIs e vir com impostos sobre transações, que rico paga, traficante de droga, traficante de armas paga”, defendeu.

Paulo Guedes enfatizou que a reforma tributária é prioritária, devendo ser realizada ainda em 2021, e que quer reduzir o Imposto de Renda cobrado sobre empresas e aumentar tributos sobre dividendos. Ainda de acordo com ele, o governo fará uma reforma que dialoga com as propostas que tramitam no Senado e na Câmara dos Deputados.

Compartilhe essa notícia:

Leu até aqui? Siga nas redes!

MARCAS APOIADORAS

Podcast

O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama