fbpx
PUBLICIDADE

NOVO abre inscrições para processo que selecionará candidatos para 2022

Partido de viés liberal e fundado por João Amoêdo anunciou que terá como foco candidaturas a deputado federal visando a ampliação da bancada, atualmente composta por oito parlamentares
Christian Lohbauer e João Amoêdo foram candidatos a vice e a presidente da República pelo NOVO nas eleições de 2018 (Foto: Divulgação)

O Partido Novo abriu na última semana seu processo seletivo para os brasileiros interessados em se candidatarem pela sigla nas eleições de 2022. Ao todo, como noticiado pela Coluna Panorama nesta segunda-feira (8), a iniciativa contemplará 18 estados e o Distrito Federal.

Estão incluídos nesta seara Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo.

De acordo com o divulgado pela sigla, o Diretório Nacional determinou, como estratégia principal, “a formação de uma nominata competitiva de deputados federais” visando aumentar a bancada na Câmara.





Nesse contexto, o NOVO afirma que “não há garantia de nominatas para deputados estaduais”, situação que será avaliada por cada diretório estadual levando em consideração o total de pessoas habilitadas para se candidatarem em cada localidade.

Para participar do processo seletivo, cujas inscrições estão previstas para ficarem abertas até o dia 15 de dezembro, será preciso, entre outras fases, fazer um teste de alinhamento que contará com 52 questões divididas nos eixos Política, Estado, Economia, Sociedade e Justiça.

Depois, cada candidato terá que gravar um vídeo de apresentação falando da motivação em ser candidato, qual é o diferencial de sê-lo pelo NOVO e quais seriam as duas principais bandeiras da campanha.

A sigla também anunciou um curso de formação de candidatos. Ao custo de R$ 750,00, filiados com suas mensalidades em dia poderão ter acesso a mais de 65 horas de aulas pela internet, tanto ao vivo como gravadas, abordando assuntos como ciência política, ética, legislação eleitoral, planejamento de campanha e princípios de economia. A iniciativa é uma parceria com a Fundação Brasil Novo.





Para saber mais sobre o processo, clique aqui.





O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama