fbpx
PUBLICIDADE

Primeira aula do novo curso online do MBL será com FHC

A chamada 'Academia MBL' terá ainda aulas ministradas com o ex-ministro da Economia, Henrique Meirelles, e com o fundador do Partido Novo, João Amoêdo
FHC, Meirelles e Amoêdo em arte divulgada pelo MBL (Foto: Reprodução/Instagram)
PUBLICIDADE

O novo curso do Movimento Brasil Livre para formação de militantes, o “Academia MBL”, terá aula magna com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (1995-2002), do PSDB. [1]

PUBLICIDADE

A informação foi publicada originalmente pelo jornal O Globo nesta terça-feira (3) e confirmada pelo MBL, que repercutiu a nota nas redes sociais.

Além de FHC, ministrarão aulas magnas o ex-ministro da Economia, Henrique Meirelles, e o fundador do Partido Novo, João Amoêdo. [2]

PUBLICIDADE

“A gente avisou que não era brincadeira. Quem duvidou, que fique chupando o dedo. Nós queremos forma lideranças de excelência. […] Será enriquecedor aprender com eles nestas aulas magnas”, escreveu o MBL em uma publicação.

A presença de Amoêdo chama atenção pois o MBL, há poucos meses, teceu duras críticas à sigla nas redes sociais.

Leia também:  NOVO pede esclarecimentos ao Ministério da Economia sobre denúncia

Em artigo no site MBL News, o grupo avaliou que o  NOVO “se tornou uma linha auxiliar do governo Bolsonaro” e fez críticas a parlamentares do partido.

Por outro lado, o movimento também elogiou nomes da legenda que fazem oposição a Bolsonaro, como Amoêdo e o deputado estadual Heni Ozi Cuckier, de São Paulo. [3]

PUBLICIDADE

De acordo com o grupo, as aulas magnas com FHC, Amoêdo e Meirelles serão gratuitas – já o curso, por sua vez, deve ser pago, e é mais um empreendimento do MBL no ramo de cursos online.

Em 2020, a dupla Renan Santos e o deputado federal Kim Kataguiri (DEM/SP) chegou a promover um curso online sobre estratégias eleitorais.

A presença de Fernando Henrique Cardoso, porém, gerou críticas entre opositores e ex-membros do MBL. Historicamente falando, parte da nova direita brasileira sempre mostrou-se crítica ao governo FHC e na tentativa histórica de rotular os tucanos como membros legítimos da direita liberal. [4]

Compartilhe essa notícia:

Leu até aqui? Siga nas redes!

MARCAS APOIADORAS

Podcast

O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Você tem certeza que deseja cancelar sua assinatura?