fbpx
PUBLICIDADE

NOVO é partido que menos gastou em cotas parlamentares no primeiro semestre

O partido comemorou em suas redes sociais; partidos mais antigos e que vinham protagonizando a disputa eleitoral nas últimas décadas exibem números muito mais elevados
Primeiros deputados federais eleitos pelo Partido Novo para a Câmara dos Deputados (Foto: Reprodução/Facebook)

Primeiros deputados federais eleitos pelo Partido Novo para a Câmara dos Deputados (Foto: Reprodução/Facebook)

O Partido Novo comemorou nesta sexta-feira (17) em suas redes sociais uma estatística positiva para quem defende a redução dos gastos dentro do Parlamento. A bancada da legenda na Câmara foi a que menos teve gastos com cotas parlamentares no primeiro semestre de 2020.

O NOVO obteve a primeira colocação na lista, tendo gasto apenas 16% do total disponível ao partido. Para efeito de comparação, o partido que ficou em segundo lugar foi a Rede da ex-presidenciável Marina Silva, que fez uso de 35% do total a que tinha direito. Para ressaltar sua posição, o NOVO elencou os números relativos a partidos de maior representatividade na política brasileira e siglas consideradas de extrema esquerda.

Considerando os partidos que polarizaram as disputas federais até 2014, o PSDB gastou 56% do total disponível e o PT, 59%. O PDT de Ciro Gomes empregou 60% do total, o Patriota – partido que o atual presidente Jair Bolsonaro chegou a considerar para filiação rumo à disputa presidencial – gastou 62% e o PCdoB, à frente de todos os citados, fez uso de 63%.





A bancada do NOVO tem atualmente 8 parlamentares e é liderada por Paulo Ganime (NOVO-RJ). Confira o post do partido:





O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama