fbpx
PUBLICIDADE

SBT toma medida contra apresentador que sugeriu ‘campo de concentração’

Emissora de propriedade de Silvio Santos, que é judeu, optou por divulgar punição ao apresentador logo no mesmo dia em que declaração polêmica de Marcão do Povo foi transmitida no "Primeiro Impacto"
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução
PUBLICIDADE

SBT comunicou no fim da tarde desta quarta-feira (8) que suspenderá por tempo indeterminado o apresentador Marcão do Povo, do programa policial “Primeiro Impacto”. [1]

PUBLICIDADE

Mais cedo, Marcão havia sugerido, ao vivo, que o presidente Jair Bolsonaro montasse campos de concentração para infectados de coronavírus.

Em nota enviada à imprensa e repercutida por veículos do meio, a emissora de Silvio Santos pediu ainda desculpas aos que se sentiram ofendidos pelo comentário.

PUBLICIDADE

No jornalístico, o apresentador questionou se não “seria interessante pegar o Exército, a Aeronáutica e a Marinha para montar um local onde todas as pessoas que tivessem os sintomas, o coronavírus, fossem levadas para um local em vez de espalhadas por todos os lugares” e referiu-se a esse hipotético local como campo de concentração.

Veja abaixo no vídeo:

Compartilhe essa notícia:

Leu até aqui? Siga nas redes!

MARCAS APOIADORAS

Podcast

O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama

Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Você tem certeza que deseja cancelar sua assinatura?