fbpx
PUBLICIDADE


Trump se encontra com Kim e caminha dentro da Coreia do Norte: assista

Encontro inesperado ocorreu na manhã deste domingo (30), dois dias após o presidente dos Estados Unidos propor um “aperto de mãos” rápido na zona desmilitarizada durante viagem ao Oriente para o G20

- Publicado no dia
Donald Trump e Kim Jong-Un (Foto: Xinhua/NEWSIS)

O presidente Donald Trump caminhou alguns passos formalmente dentro do território norte-coreano na manhã deste domingo (30). O gesto, simbólico, é inédito: nunca antes um presidente norte-americano havia pisado na Coreia do Norte. [1][2]

O encontro ocorreu na Zona Desmilitarizada das Coreias, localizado no tradicional posto do paralelo 38 onde militares de ambos os países costumam fazer reuniões e se encararem frente a frente.

O aperto de mãos havia sido sugerido por Trump no Twitter na última sexta-feira (28). “Após algumas reuniões importantes, eu vou deixar o Japão para a Coreia do Sul. Quem sabe Kim da Coreia do Norte veja isso e não queira se encontrar na fronteira, na zona desmilitarizada, apenas para apertar as mãos e dizer ‘Olá?'”, havia perguntado o americano.


PUBLICIDADE



“O presidente Donald Trump é o primeiro presidente norte-americano a visitar nosso país. Eu acredito, olhando essa ação, que é uma expressão de sua vontade de eliminar todo passado ruim e abrir um novo futuro”, afirmou o ditador norte-coreano ao lado de Trump.

O presidente americano frisou, por sua vez, que “cruzar aquela linha foi uma grande honra, um grande progresso foi feito naquele momento” e que uma “grande amizade estava sendo construída.”

Assista ao vídeo abaixo:

★ ★ ★

Nós criamos o Boletim da Liberdade porque acreditamos em um jornalismo sério, independente e de viés liberal. Você pode ajudar esse projeto.

Para que possamos manter e melhorar nossa missão de organizar, divulgar e apurar informações de interesse público, tornando-as acessíveis para todos, precisamos da sua ajuda. Se você é um entusiasta do Boletim, colabore fazendo uma assinatura. Com menos de R$ 10 ao mês, você ajuda a viabilizar um jornalismo mais plural e democrático no Brasil e tem acesso a conteúdos exclusivos.

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.