fbpx
PUBLICIDADE


Congresso aprova que governo emita títulos para gastar em despesas correntes

Medida foi aprovada por unanimidade após governo Bolsonaro e oposição chegarem a um acordo de que parte da verba será utilizada, entre outros projetos, para liberar R$ 1 bilhão que estava contingenciado na educação

- Publicado no dia
Sessão conjunta do Congresso Nacional presidida pelo senador Davi Alcolumbre, presidente do Congresso (Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados)

O Congresso Nacional aprovou na noite desta terça-feira (11) o pedido do governo federal para emissão de R$ 247,9 bilhões de títulos do Tesouro Nacional para usar os recursos em despesas correntes. O projeto foi aprovado com unanimidade após um acordo entre governo e oposição. [1]

Com a medida, o governo poderá descumprir a regra de ouro e contrair as dívidas necessárias para cumprir o orçamento do ano. A excepcionalidade da medida é um reflexo da crise orçamentária do país.


PUBLICIDADE



Pela período da tarde, governo e oposição acertaram que o governo liberaria, com a receita, R$ 1 bilhão para a educação que estava contigenciado, além de R$ 330 milhões para o CNPq em bolsas de estudo.

★ ★ ★

Nós criamos o Boletim da Liberdade porque acreditamos em um jornalismo sério, independente e de viés liberal. Você pode ajudar esse projeto.

Para que possamos manter e melhorar nossa missão de organizar, divulgar e apurar informações de interesse público, tornando-as acessíveis para todos, precisamos da sua ajuda. Se você é um entusiasta do Boletim, colabore fazendo uma assinatura. Com menos de R$ 10 ao mês, você ajuda a viabilizar um jornalismo mais plural e democrático no Brasil e tem acesso a conteúdos exclusivos.

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.