PUBLICIDADE


Opositor político de Maduro, Leopoldo López é libertado; Maduro pode ir à Cuba

Leopoldo López, assim como diversas outras lideranças políticas de oposição ao chavismo, foi perseguido por instituições judiciais e encontrava-se preso domiciliarmente; informações e rumores circulam na internet

- Publicado no dia
Nicolás Maduro (Foto: Reprodução / Diário do Acionista)

Um dos principais opositores políticos do ditador venezuelano Nicolás Maduro, o político Leopoldo López foi libertado na manhã desta terça-feira (30) por forças alinhadas ao presidente interino. Em entrevista, Lopez afirmou que foi solto após indulto de Guaidó.

De acordo com informações ainda não confirmadas, Nicolás Maduro estaria convocando milícias armadas ligadas à Cuba para defender o governo. Haveria, ainda, tentativa não confirmada de restringir o uso das redes sociais ou o acesso à internet no país vizinho.

O domínio sobre as forças armadas, porém, ainda não está claro se pesa mais para o sucessor de Hugo Chávez ou Guaidó. Outra informação que circulou, inclusive pela Globo News, era de que se o governo não conseguir suprimir os rebeldes rapidamente, Nicolás Maduro não descarta o exílio em Cuba.


PUBLICIDADE



★ ★ ★

Nós criamos o Boletim da Liberdade porque acreditamos em um jornalismo sério, independente e de viés liberal. Você pode ajudar esse projeto.

Para que possamos manter e melhorar nossa missão de organizar, divulgar e apurar informações de interesse público, tornando-as acessíveis para todos, precisamos da sua ajuda. Se você é um entusiasta do Boletim, colabore fazendo uma assinatura ou fazendo uma doação de qualquer valor. Contamos com você para viabilizar um jornalismo mais plural e democrático no Brasil.

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Seja um assinante e receba nosso conteúdo por Whatsapp


Seja um mantenedor com uma doação única de qualquer valor


Comentários

Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.