fbpx
PUBLICIDADE

Presidente Jair Bolsonaro ameaça processar ator José de Abreu no Twitter

O ator da Rede Globo havia se declarado presidente da República, em ironia a Juan Guaidó, que se autodeclarou presidente interino da Venezuela
José de Abreu (Foto: Divulgação / Rede Globo)
José de Abreu (Foto: Divulgação / Rede Globo)
PUBLICIDADE

O ator José de Abreu, que se declarou presidente da República no Twitter em analogia irônica ao autodeclarado presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó, provocou o presidente Jair Bolsonaro em seu Twitter nesta quarta-feira (6). Ele recebeu uma resposta – e ela veio em forma de ameaça de processo. [1] [2]

PUBLICIDADE

Abreu mora na Grécia e convocou seus apoiadores a recebê-lo no aeroporto do Galeão nesta sexta-feira (8). “Seu meteoro chegou. Sou eu, seu fascista”, afirmou para o presidente brasileiro em sua rede social. Bolsonaro respondeu rapidamente: “Estamos processando alguns e este ‘meteoro’ será o próximo”.

 

PUBLICIDADE

José de Abreu fez sua réplica, alegando que processaria Bolsonaro apenas “por existir” e dirigindo ao presidente uma série de deboches. O ator chegou a dizer que estuda pedir um habeas corpus preventivo para não ser preso ao chegar no Brasil, usando a ameaça no Twitter como argumento.

PUBLICIDADE

Compartilhe essa notícia:




O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama