fbpx
PUBLICIDADE


Militares venezuelanos teriam disparado contra território brasileiro, diz jornal

Jornal ‘O Estado de S. Paulo’ conversou com militares do Exército Brasileiro e relatou inconformidade com ação hostil de tropas ligadas a Maduro agindo com irresponsabilidade diante da fronteira

- Publicado no dia
Tropas venezuelanas próximos à região da fronteira com o Brasil (Foto: Reuters)

Uma reportagem publicada pelo site do jornal O Estado de S. Paulo na noite deste sábado (23) afirma que militares brasileiros ficaram incomodados com a ação das forças venezuelanas contra o território brasileiro nos conflitos ocorridos nos últimos dias próximo à fronteira, em Roraima.

Ouvidos pela publicação, os militares brasileiros teriam entendido que houve uma agressão ao Brasil devido ao fato de os militares leais a Maduro terem “avançado sobre a fronteira, se deslocando até o último marco físico e revidarem as pedradas, além de terem disparados bombas de gás contra o território nacional”.


PUBLICIDADE



“Ninguém esperava que isso acontecesse no nosso território. Recebemos uma chuva de gás lacrimogêneo vindo do território venezuelano e esperamos que isso não fique assim”, afirmou o coronel brasileiro José Jacaúna. [1]

★ ★ ★

Nós criamos o Boletim da Liberdade porque acreditamos em um jornalismo sério, independente e de viés liberal. Você pode ajudar esse projeto.

Para que possamos manter e melhorar nossa missão de organizar, divulgar e apurar informações de interesse público, tornando-as acessíveis para todos, precisamos da sua ajuda. Se você é um entusiasta do Boletim, colabore fazendo uma assinatura. Com menos de R$ 10 ao mês, você ajuda a viabilizar um jornalismo mais plural e democrático no Brasil e tem acesso a conteúdos exclusivos.

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.