fbpx
PUBLICIDADE

PSL pode estar caindo na estratégia do PT ao apoiar Rodrigo Maia, diz site

Disputa pela presidência da Câmara dos Deputados é decisiva para apoiar o governo nas reformas econômicas, mas apoio a Rodrigo Maia pelo PSL ainda é visto com ceticismo
Jair Bolsonaro e Rodrigo Maia (Foto: Fátima Meira/Futura Press/Folhapress)

Jair Bolsonaro e Rodrigo Maia (Foto: Fátima Meira/Futura Press/Folhapress)

O jornalista Claudio Dantas, do site O Antagonista, denunciou no início da tarde desta quarta-feira (9) que o PSL pode ter cometido um grande erro ao anunciar apoio à reeleição de Rodrigo Maia à presidência da Câmara. [1]

De acordo com Dantas, o partido do presidente “acha que deu um xeque-mate”, mas não sabe que “as lideranças do PT [que] aconselharam Maia a atrair o PSL primeiro, para obter a boa vontade do governo Bolsonaro”. “Se o PT entrasse antes no bloco, a candidatura desandava”, afirmou.

O jornalista afirma que até a presidente do PT, Gleise Hoffmann, já sabia da estratégia. Toda a “indefinição” do partido após o anúncio oficial seria “puro teatro”.





Eleito para substituir Eduardo Cunha, Rodrigo Maia tem um bom diálogo com lideranças da esquerda.

No início de 2018, chegou a lançar sua pré-candidatura à presidência da República, mas o projeto naufragou. Depois, negociou o apoio do centrão a Geraldo Alckmin (PSDB) após conversas com Ciro Gomes (PDT). No governo Bolsonaro, conta a seu favor um bom diálogo com o ministro Paulo Guedes, da Economia.





O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama