SOBRE     ASSINE     NEWSLETTER     FACEBOOK     TWITTER     YOUTUBE



IMB cria campanha para conscientizar sobre nova lei de desburocratização

Filho do ex-Ministro da Desburocratização, Helio Coutinho Beltrão, presidente do Instituto Mises Brasil, defendeu que campanhas de conscientização podem ajudar que essa lei “pegue”

- Publicado no dia
Helio Coutinho Beltrão é presidente do Instituto Mises Brasil (Foto: Reprodução/YouTube)

O Instituto Mises Brasil, um dos principais think tanks de viés liberal do país, criou uma campanha para divulgar a Lei 13.726/2018, promulgada em outubro, que dispensa o reconhecimento de firma de documentos em órgãos públicos.

Com o nome de “Cadê a Lei, senhor burocrata?”, a iniciativa conta com um e-mail (burocracia@mises.org.br) para receber denúncias de cidadãos que tenham se deparado com órgãos que sigam com a exigência.

Helio Coutinho Beltrão, presidente do IMB e filho do ex-Ministro da Desburocratização do governo João Figueiredo, Helio Beltrão, afirmou que campanhas de conscientização sempre foram uma marca do instituto e relembrou as conquistas do pai.

“Meu pai lutou a vida inteira contra essa excessiva burocracia e conseguiu um milagre na época que esteve tocando esse programa. Enquanto ele estava tocando o programa, não havia esse reconhecimento de firma. Ele conseguiu uma vitória parcial. Mas, quando ele saiu, a coisa voltou – e pior”, disse.


PUBLICIDADE



Beltrão mostrou preocupação com essa lei não ser obedecida e pediu engajamento das pessoas que a lei pegue.

“Muitas leis no Brasil, principalmente as que ajudam o cidadão, mas que possuem interesses por trás, costumam não pegar. Sobretudo por causa dos lobbies de interesse. Já ouvi relatos que essa lei [da desburocatização] não pegou. Os servidores não obedeceram a lei e continuam exigindo o reconhecimento de firma. […] Quando vocês se depararem, ou alguém que vocês conheçam, com a exigência de reconhecimento de firma em órgão público, façam a pergunta é: ‘Cadê a lei, senhor burocrata?’. Questionem ele. Perguntem quem deu a ordem. Mostre a lei”, orientou.

Beltrão prometeu ainda “dar publicidade a declarações, áudios e vídeos de resistência dessa lei” e defendeu que essa medida pode fazer uma “diferença tremenda”

“Juntos, com essa campanha de conscientização, podemos alcançar essa vitória. Chegou o momento, porque hoje a população está mais engajada e informada” , concluiu.

Confira também:

► CHEGOU A HORA DE APRENDER SOBRE BITCOINS EM UM GUIA OBJETIVO: Um treinamento para iniciar no mercado de criptomoedas e ganhar dinheiro.

► CRIE UM NEGÓCIO ONLINE E COMPLEMENTE A SUA RENDA. Siga o passo a passo para em 30 dias começar a faturar sem sair de casa.

► VOCÊ SABIA QUE EXISTE TÉCNICA PARA GANHAR NA LOTERIA? Quem comprou, não se arrependeu. 10 dias de garantia ou o seu dinheiro de volta

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Seja um assinante e receba nosso conteúdo por Whatsapp


Seja um mantenedor com uma doação única de qualquer valor

Comentários

Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.