fbpx

Candidatos do PSL arrancam placa falsa de Marielle Franco no Centro do Rio

Rodrigo Amorim, que tenta a vaga de deputado estadual, e Daniel Silveira, que tenta a de federal, reagiram à desfiguração de placa
(Foto: Reprodução / O Globo)

Candidatos a postos no Legislativo pelo Partido Social Liberal, apoiadores de Jair Bolsonaro, tomaram uma atitude no Centro do Rio contra a depredação do patrimônio público. Eles arrancaram uma placa falsa colocada por militantes na Praça Floriano.

A placa renomeava ilegalmente a praça com os dizeres “Rua Marielle Franco” em cima da placa original. Rodrigo Amorim, candidato a deputado estadual, e Daniel Silveira, que pleiteia o cargo de deputado federal, foram durante à noite ao local e arrancaram a placa.

“Na minha vigilância não vou permitir bagunça socialista”, publicou Amorim. “Quero deixar claro que o crime contra a Vereadora, assim como, os 60 mil assassinados por ano no Brasil, inclusive o pai assassinado na frente de seu filho naquela noite, devem ser punidos. (…) Lugar de bandido é na cadeia ou no cemitério. A culpa disso é da própria esquerda que adota a cultura de passar a mão na cabeça de vagabundo. O futuro Presidente da República Jair Bolsonaro sofreu um atentado à faca contra a democracia e a esquerda se calou.”

Leia também:  Bolsonaro pode ser preso? Juristas explicam

Confira o vídeo completo:

[wp_ad_camp_1]

[fbvideo link=”https://www.facebook.com/RodrigoPiresAmorim/videos/2321009434580302/” width=”920″ height=”” onlyvideo=”1″]

[wp_ad_camp_3]

Compartilhe essa notícia:

Assine o Boletim da Liberdade e tenha acesso, entre outros, às edições semanais da coluna panorama

plugins premium WordPress
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?