fbpx
PUBLICIDADE

Mateus Bandeira é criticado pelo NOVO por expressar simpatia por Bolsonaro

O candidato ao governo do estado do Rio Grande do Sul havia dito que, apesar de apoiar João Amoêdo, respeita Jair Bolsonaro e convida seus eleitores a apoiá-lo também
Mateus Bandeira (Foto: Reprodução / Exame)

Mateus Bandeira (Foto: Reprodução / Exame)

O candidato do Partido Novo ao governo do Rio Grande do Sul, Mateus Bandeira, provocou polêmica dentro da legenda. Ele se dirigiu nesta terça-feira (23) aos eleitores de Jair Bolsonaro (PSL) e isso incomodou alguns correligionários.

Tudo começou porque ele divulgou um vídeo explicando por que os eleitores do presidenciável, apesar do seu apoio declarado a João Amoêdo, têm motivos para apoiá-lo para o governo do estado. No vídeo, ele diz ser o candidato natural de qualquer eleitor das duas candidaturas e que concorda com Bolsonaro quanto à defesa do agronegócio e do porte de armas, bem como bandeiras como o Escola Sem Partido e o combate ao globalismo.





O desagrado veio em forma de nota divulgada ao portal Gaúcha ZH.  Partido Novo afirmou que “considera inadequada a mensagem passada no vídeo do candidato Mateus Bandeira, que não está alinhada com a estratégia definida pela instituição para as eleições deste ano”.  Pontuou que éfundamental a coerência e o apoio entre os candidatos a todos os cargos e também o compromisso com os princípios do partido”Esse posicionamento, ainda segundo a nota, “já foi passado a Bandeira e sua equipe”. [1]





O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama