fbpx
PUBLICIDADE


João Amoêdo responde em vídeo a ataque de Ciro Gomes

O nome do PDT à presidência da República fez uma crítica baseada no tamanho do patrimônio do engenheiro, que não ficou em silêncio

- Publicado no dia
Ciro Gomes (Foto: Reuters/Adriano Machado)

O presidenciável pedetista Ciro Gomes formulou um ataque indireto neste domingo (26) ao candidato do Partido Novo, João Amoêdo, em declaração para o Estadão. O ataque, porém, não ficou sem resposta. [1]

Em sua manifestação, Ciro Gomes disse: “Tem candidato nesta eleição que tem R$ 425 milhões, quase meio bilhão de reais, e vive com mais da metade disso em renda fixa. E vive falando mal do estado. Então, o camarada faz com que todo cidadão desempregado no Brasil hoje pague o juro com que ele paga seu jatinho.”

Amoêdo respondeu em vídeo que Ciro estava demonstrando mais uma vez não entender nada de economia. Complementou explicando que “renda fixa não significa que você esteja financiando o estado, o governo”, e sim ter “uma aplicação com taxa de juros determinada”, bem como que seu alvo é o estado atual, no tamanho que tem no Brasil. Confira:


PUBLICIDADE



+ ÚLTIMAS VAGAS: Curso de Introdução de Liberalismo abre vagas para a primeira turma por tempo limitado

★ ★ ★

Se você acompanha e aprecia o trabalho jornalístico do Boletim da Liberdade, e valoriza a importância de existir um veículo profissional com viés liberal, pedimos que:

➡ Considere fazer uma assinatura solidária ao Boletim. Com uma contribuição mensal, você ajuda que o site continue no ar e possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos. Curta nossas publicações, compartilhe-as para seus amigos e fale do site para conhecidos e familiares liberais. Toda ajuda faz diferença.

Curta nossa página no Facebook

Notícias no WhatsApp
O Boletim da Liberdade abriu mais um grupo no WhatsApp para recebimento de conteúdos especiais. Mas entre logo: é por tempo limitado. Participe apenas caso tenha interesse em notícias sobre política e economia com um viés liberal. Clique aqui para entrar.
Siga-nos no Twitter

Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



PUBLICIDADE
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.