fbpx
PUBLICIDADE

João Amoêdo lidera em doações virtuais para campanhas políticas

Entre 165 pré-candidatos aos mais diversos cargos, Amoêdo é o que mais recebeu recursos; o Partido Novo se recusa a receber verba pública
(Foto: Reprodução / El País)
(Foto: Reprodução / El País)

O Partido Novo está colhendo bons frutos das doações virtuais para campanhas eleitorais de 2018. O candidato que mais recebeu doações até o momento através desse sistema foi o próprio pré-candidato da legenda à presidência, João Amoêdo. [1] [2]

Até a noite desta sexta-feira (1), o engenheiro já tinha recebido R$ 205 mil. A contribuição será valiosa, já que o NOVO optou por não empregar verba do Fundo Eleitoral, sendo contra o uso de recursos públicos em campanhas eleitorais.





O valor impressiona ainda mais porque o total já reunido para todos os candidatos – 165 políticos de todo o país – que receberam doações soma aproximadamente R$ 306 mil. Outros candidatos ligados ao ecossistema pró-liberdade que também receberam doações foram Kim Kataguiri, com R$ 880, e Arthur do Val, com R$ 1.234.





O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama