SOBRE     ASSINE     NEWSLETTER     FACEBOOK     TWITTER     YOUTUBE



Dia da Liberdade de Impostos venderá gasolina a R$2,50 no Rio Grande do Sul

Iniciativa do Instituto Liberdade, em parceria com o Instituto de Estudos Empresariais e outras entidades, tenta mostrar impacto dos impostos

- Publicado no dia
(Foto: Reprodução / Curta Mais)

Estão confirmados os primeiros vinte postos de gasolina, de onze cidades do Rio Grande do Sul, na 14ª edição do Dia da Liberdade de Impostos (DLI) – movimento que se consolidou na capital gaúcha por iniciativa do Instituto Liberdade. O evento acontece no dia 5 de junho, quando o combustível será vendido a R$ 2,50 o litro, mediante distribuição de senhas, a partir das 7h. O abastecimento será realizado das 8h às 11h30min. Cada senha dará o direito à compra de 20 litros de gasolina comum, apenas para pagamento em dinheiro.

“O valor do litro na campanha foi modificado com o objetivo de aproximar-se do real valor sem tributação, em razão dos aumentos no preço do barril de petróleo e, consequentemente, da gasolina. No dia da ação, talvez este valor já esteja defasado tendo em vista a expectativa ser da elevação destas cifras. Isto contribui para a conscientização das pessoas e do Estado do quanto a carga tributária prejudica o poder de consumo da população. Em Brasília já se discute que uma das soluções seja a diminuição de imposto aplicado no litro do combustível, com isto, o Dia da Liberdade de Impostos colaborará para que esta medida seja concretizada tanto neste aspecto quanto em outros produtos e serviços”, afirmou o vice-presidente do Instituto Liberdade, Leandro Gostisa.


PUBLICIDADE



O objetivo central da campanha é conscientizar a sociedade sobre a alta carga tributária que é paga hoje pelos cidadãos brasileiros, estabelecendo uma relação do valor com o tempo que cada um deve destinar do seu ano apenas para quitar as obrigações impostas pelo Estado. Em 2017, foram comercializados 63 mil litros de gasolina, com a adesão de 21 postos em doze cidades gaúchas. Farmácias e lojas de vestuário aderiram à causa comercializando remédios e roupas sem a carga tributária.

As onze cidades com postos participantes confirmados até o momento são, além da capital, Porto Alegre: Gravataí, Canoas, Caxias do Sul, Osório, Pelotas, Passo Fundo, Portão, Rio Grande, Santa Rosa e Sapucaia. A iniciativa acontece em um momento em que caminhoneiros do país inteiro protestam contra o aumento do preço dos combustíveis. A realização se dá em parceria com o Instituto de Estudos Empresariais (IEE), a Fecomércio-RS, a Câmara de Dirigentes Lojistas de Porto Alegre (CDL) e o Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis e Lubrificantes no RS (Sulpetro).

Confira também:

► CHEGOU A HORA DE APRENDER SOBRE BITCOINS EM UM GUIA OBJETIVO: Um treinamento para iniciar no mercado de criptomoedas e ganhar dinheiro.

► CRIE UM NEGÓCIO ONLINE E COMPLEMENTE A SUA RENDA. Siga o passo a passo para em 30 dias começar a faturar sem sair de casa.

► VOCÊ SABIA QUE EXISTE TÉCNICA PARA GANHAR NA LOTERIA? Quem comprou, não se arrependeu. 10 dias de garantia ou o seu dinheiro de volta

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Seja um assinante e receba nosso conteúdo por Whatsapp


Seja um mantenedor com uma doação única de qualquer valor

Comentários

Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.