fbpx
PUBLICIDADE


Candidata do PSTU chama Venezuela de ‘capitalista’ e Kim Kataguiri responde

Vídeo do Movimento Brasil Livre reage a declarações da candidata do partido socialista que deseja uma rebelião dos trabalhadores no Brasil

- Publicado no dia
(Foto: Reprodução / Folha PE)

Venezuela capitalista? Pelo menos essa é a opinião da pré-candidata à presidência da República pelo PSTU, Vera Lúcia, em entrevista à TV Folha. Kim Kataguiri, liderança do Movimento Brasil Livre, não ficou calado e fez um vídeo irônico sobre os comentários pitorescos da socialista.

Vera defendeu uma “revolução socialista” no Brasil. “Caso eleita, a tarefa central é de organizar os trabalhadores para fazer esta rebelião, porque isso não se faz de forma desorganizada”, disse. Kim debochou, dizendo que Vera ataca as eleições, mas quer vencê-la para fazer uma revolução socialista contra ela mesma, porque então ela estaria no poder.

O mais curioso é mesmo quando ela diz que “a Venezuela é um estado capitalista, que tem uma economia capitalista, voltada principalmente para a exportação do petróleo”. Confira o que Kim respondeu no vídeo completo:


PUBLICIDADE



★ ★ ★

Se você acompanha e aprecia o trabalho jornalístico do Boletim da Liberdade, e valoriza a importância de existir um veículo profissional com viés liberal, pedimos que:

➡ Considere fazer uma assinatura solidária ao Boletim. Com uma contribuição mensal, você ajuda que o site continue no ar e possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos. Curta nossas publicações, compartilhe-as para seus amigos e fale do site para conhecidos e familiares liberais. Toda ajuda faz diferença.

Curta nossa página no Facebook

Notícias no WhatsApp
O Boletim da Liberdade abriu mais um grupo no WhatsApp para recebimento de conteúdos especiais. Mas entre logo: é por tempo limitado. Participe apenas caso tenha interesse em notícias sobre política e economia com um viés liberal. Clique aqui para entrar.
Siga-nos no Twitter

Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



PUBLICIDADE
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.