fbpx
PUBLICIDADE


Caso Marielle: Ativista liberal do RJ conclama liberais a terem mais firmeza

Em publicação pública no Facebook, Cecília Lopes – coordenadora do Students for Liberty e ligada ao Livres – afirmou que “só o PSOL no Rio de Janeiro tem coragem de denunciar os abusos pelos quais os cariocas passam”

- Publicado no dia
Cecília Lopes e o economista David Friedman, filho do Nobel de economia Milton Friedman (Foto: Reprodução/Facebook)

A ativista liberal Cecília Lopes, também coordenadora do Students for Liberty Brasil e ligada ao Livres, fez uma dura publicação na manhã desta quinta-feira (15) em seu perfil no Facebook. Inspirada pela repercussão do assassinato de Marielle Franco, ela defendeu que os liberais “façam uma oposição verdadeiramente forte” e reclamou da omissão do movimento liberal em temas como o abuso policial e as milícias que atuam no estado.

“O trágico assassinato de Marielle Franco mostrou algo que falo há tempos: só o PSOL em nosso estado tem coragem de denunciar os abusos pelos quais os cariocas – principalmente os moradores das favelas e periferias – passam”, escreveu, perguntando em seguida: “Quando vocês fizeram uma oposição verdadeiramente forte contra a milícia, a bancada evangélica, o PMDB e o abuso policial encabeçado pela PM?”


PUBLICIDADE



Estudante de economia, Cecília afirmou também que “os liberais de outrora foram os primeiros a se levantar contra o autoritarismo, vindo de onde viesse, mesmo que custasse suas vidas” e que “ser liberal não é ser apenas contra a opressão do estado, mas contra tudo e todos que ajam como ele ou através dele”.

“Espero que a tragédia de ontem abra os olhos do nosso movimento, para que todos juntos lutemos por uma sociedade onde todos possam ser de fato livres, sem medo do governo, sem medo da polícia e sem medo das forças supra-estatais que copiam sua truculência”, disse.

+ ÚLTIMAS VAGAS: Curso de Introdução de Liberalismo abre vagas para a primeira turma por tempo limitado

★ ★ ★

Se você acompanha e aprecia o trabalho jornalístico do Boletim da Liberdade, e valoriza a importância de existir um veículo profissional com viés liberal, pedimos que:

➡ Considere fazer uma assinatura solidária ao Boletim. Com uma contribuição mensal, você ajuda que o site continue no ar e possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos. Curta nossas publicações, compartilhe-as para seus amigos e fale do site para conhecidos e familiares liberais. Toda ajuda faz diferença.

Curta nossa página no Facebook

Notícias no WhatsApp
O Boletim da Liberdade abriu mais um grupo no WhatsApp para recebimento de conteúdos especiais. Mas entre logo: é por tempo limitado. Participe apenas caso tenha interesse em notícias sobre política e economia com um viés liberal. Clique aqui para entrar.
Siga-nos no Twitter

Comentários


Receba nosso conteúdo por e-mail



PUBLICIDADE
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.