SOBRE     ASSINE     NEWSLETTER     FACEBOOK     YOUTUBE



Eike Batista está conversando com partidos para ser senador, diz jornal

Empresário já esteve entre os mais ricos do mundo, mas atualmente enfrenta problemas com a justiça; o Boletim da Liberdade quer saber sua opinião sobre o ex-bilionário: vítima ou cúmplice? Vote na enquete

- Publicado no dia
(Foto: Sérgio Lima/PODER 360)

O empresário Eike Batista, que já figurou entre os homens mais ricos do mundo segundo a revista Forbes, está pensando em entrar para a política. A informação, divulgada originalmente pelo jornal O Globo, foi repercutida também no site O Antagonista. [1]

Ao jornal, o ex-bilionário falou que “está estudando” se candidatar e já estaria conversando com partidos. Eike frisou que “não tem nenhum impedimento judicial” e não está buscando foro privilegiado. “Eu quero ajudar. Eu preciso me reinventar. Ninguém sabe o que eu fiz pelo Brasil”, comentou, emendando que teria interesse em uma cadeira no Senado Federal.


PUBLICIDADE


Residente do Rio de Janeiro, por onde provavelmente se candidataria, ninguém sabe ao certo o posicionamento político de Eike. De um lado, o empresário foi considerado por muitos o “empresário de Lula”, devido ao fato de ter prosperado durante o governo do petista. Por outro lado, mais recentemente, o fundador do Porto do Açu (atualmente, gerido pela empresa Prumo) chegou a se queixar que o esquema de corrupção vigente na Petrobrás prejudicou seus empreendimentos privados. [2]

No início de 2017, Eike Batista foi preso e teve o cabelo raspado. O motivo de sua prisão foi, segundo a justiça, o envolvimento em um esquema de corrupção liderado pelo ex-governador fluminense Sérgio Cabral.

O Boletim da Liberdade quer saber a sua opinião sobre o empresário. Vote na enquete a seguir, que ficará aberta até a próxima terça-feira (20):

Eike Batista é vítima ou cúmplice dos esquemas criminosos do estado?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...
Conteúdo diário sobre a liberdade. Um novo veículo para o Brasil.

Receba nosso conteúdo por Whatsapp: SAIBA COMO


*O Boletim da Liberdade grafa, propositadamente, a palavra “Estado” sem a letra maiúscula.

Comentários

Receba nosso conteúdo por e-mail




Leia também