Olavo de Carvalho e Paulo Roberto de Almeida discutem ‘globalismo’ em vídeo

Debate entre os dois intelectuais envolveu troca de farpas e elogios; o diplomata e o filósofo discordam fundamentalmente sobre a importância do conceito

- Publicado no dia

O filósofo Olavo de Carvalho e o diplomata Paulo Roberto de Almeida foram os convidados no primeiro debate do Webinário do Brasil Paralelo, espécie de conferência online transmitida na última terça-feira (12). O tema escolhido peara o debate foi um dos mais sugestivos e polêmicos da contemporaneidade: a ideia de “globalismo”.

O entendimento dos dois sobre o assunto é bastante diferente. Paulo Roberto considera que o “globalismo” é um conceito criado para sustentar a teoria de um “fantasmagórico governo mundial”, qualificando essa concepção como “um pouco paranoica”, derivada de um “nacionalismo estreito” e um “soberanismo introspectivo”. Olavo, por outro lado, disse que essa qualificação é de uma “estupidez fora do comum”, estando “a coisa tão bem documentada”. Para ele, a destruição das culturas nacionais “dissolve também as identidades individuais”, que “se constroem sobre uma base cultural e histórica”, o que abre oportunidades para projetos políticos de homogeneização de viés “racionalista”..


PUBLICIDADE



Ambos concordam, entretanto, quanto à ideia da globalização como um processo normal. Confira o vídeo:

Confira também:

► CHEGOU A HORA DE APRENDER SOBRE BITCOINS EM UM GUIA OBJETIVO: Um treinamento para iniciar no mercado de criptomoedas e ganhar dinheiro.

► CRIE UM NEGÓCIO ONLINE E COMPLEMENTE A SUA RENDA. Siga o passo a passo para em 30 dias começar a faturar sem sair de casa.

► VOCÊ SABIA QUE EXISTE TÉCNICA PARA GANHAR NA LOTERIA? Quem comprou, não se arrependeu. 10 dias de garantia ou o seu dinheiro de volta

Apoie a mídia independente: curta nossa página.


Seja um assinante e receba nosso conteúdo por Whatsapp


Seja um mantenedor com uma doação única de qualquer valor

Comentários

Receba nosso conteúdo por e-mail



Leia também
error: Não é permitida a reprodução do conteúdo sem prévia autorização.