fbpx

Juiz cita Jair Bolsonaro em decisão sobre progressão de pena

O mesmo juiz, da cidade de Santa Helena, em Goiás, já havia determinado a prisão preventiva, em outro caso, de dois militantes do MST

O parlamentar Jair Bolsonaro já alcançou uma popularidade outrora inimaginável, mas há fronteiras que ele ainda não tinha atingido. Desta vez ele conseguiu algo inédito: ser citado em uma decisão judicial.

O juiz Thiago Brandão Boghi, da cidade de Santa Helena, em Goiás, se baseou em uma declaração conhecida do deputado para negar o pedido de progressão ao regime aberto feito por um detento condenado por roubo, segundo informações do site Viomundo. “Parafraseando o presidenciável Jair Bolsonaro, era só o apenado não roubar, que não iria para o presídio”, ele comentou.

[wp_ad_camp_1]

Curiosamente, o mesmo magistrado esteve entre os que determinaram a prisão preventiva de Valdir Misnerovicz e Luiz Batista Borges, militantes do MST enquadrados na Lei de Organização Criminosa. O comentário original de Bolsonaro, mencionado pelo juiz, foi feito quando houve a matança de presos em Pedrinhas, no Maranhão. Confira o print do trecho:

Leia também:  Bolsonaro pode ser preso? Juristas explicam
(Foto: Reprodução / Viomundo)

 

Compartilhe essa notícia:

Assine o Boletim da Liberdade e tenha acesso, entre outros, às edições semanais da coluna panorama

plugins premium WordPress
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Are you sure want to unlock this post?
Unlock left : 0
Are you sure want to cancel subscription?