fbpx
PUBLICIDADE

Olavo de Carvalho publica “apelo urgente” à direita brasileira

O filósofo e escritor afirmou que o exemplo das dificuldades de Donald Trump demonstra a importância de confrontar a hegemonia esquerdista além da política eleitoral
(Foto: Reprodução / Facebook)
(Foto: Reprodução / Facebook)

O filósofo e jornalista Olavo de Carvalho, que praticamente dispensa apresentações entre liberais e conservadores brasileiros, publicou em seu Facebook um comentário que chamou de “apelo urgente”, em um momento em que as possíveis candidaturas presidenciais provocam choques na Internet.

Dirigindo-se ao que espera ser o “que possa restar de inteligência na cabeça da direita”, Olavo começou usando a “perseguição” a Donald Trump por parte de militantes e jornalistas como exemplo para ilustrar o seu conselho.

“A situação calamitosa de Donald Trump ilustra com clareza máxima o que acontece quando a direita elege um presidente antes de ter destruído a hegemonia esquerdista. Por isso é que considero totalmente insana a esperança direitista de salvar o Brasil pela via eleitoral sem quebrar antes o monopólio esquerdista da mídia e o poder absoluto do estamento burocrático”, ele asseverou.





Olavo acredita que, mesmo que um escritor possa, sozinho, “quebrar uma hegemonia intelectual”, é necessário que outros prossigam o serviço “destruindo ou neutralizando a hegemonia cultural, isto é, o controle sobre a mídia e as instituições de cultura e ensino”. Isso seria, como Olavo já vinha afirmando em seus textos, mais importante que atingir um posto em Brasília.





O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

➡ Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

➡ Siga e interaja em nossas redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram), inscreva-se em nossa newsletter gratuita semanal e entre em nosso grupo do WhatsApp para recebimento de conteúdos.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama