fbpx
PUBLICIDADE

Canal ‘Tradutores de Direita’ abre conta no ‘Apoia-se’ para financiamento coletivo

Iniciativa conta com mais de 9 milhões de visualizações de vídeo no YouTube e tem quase 200 mil seguidores no Facebook; o objetivo do grupo é profissionalizar ainda mais o trabalho
Os Tradutores de Direita selecionam vídeos de grandes ícones conservadores americanos, como Bill Whittle. Fonte: Youtube
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

O grupo Tradutores de Direita, que se dedica à traduzir vídeos internacionais das mais variadas vertentes dentro do que chamam de direita, entre conservadores, nacionalistas e libertários, lançou um financiamento coletivo no site “Apoia-se”.

PUBLICIDADE

O manifesto dos criadores, já entrevistados neste Boletim, reforça que o trabalho voluntário está na ativa desde 2013 e, desde então, bate “diversos recordes”. “Temos uma audiência média de mais de 3 milhões de pessoas, que ficam felizes em conhecer novas fontes de estudo”, explicam.

Com os recursos obtidos, os criadores do Tradutores de Direita prometem investir em “publicidade online”, “manutenção e compra de equipamentos de áudio” e “oficialização jurídica do grupo”. Eles ainda cogitam lançarem, no futuro, vídeos dublados. Até o fechamento desta matéria, 28 pessoas já se dispuseram a participar do financiamento, que já soma R$ 475 mensais. Caso tenha ficado interessado em colaborar, clique aqui.

PUBLICIDADE

.

 

Compartilhe essa notícia:

Leu até aqui? Siga nas redes!

MARCAS APOIADORAS

O Boletim da Liberdade tem um propósito: reportar diariamente fatos sobre a liberdade no Brasil e no mundo…

mas nós precisamos da sua ajuda para continuar esse trabalho.

Se você consome e aprecia nosso conteúdo, considere fazer uma assinatura. Com a sua contribuição mensal, você ajuda a manter o site no ar (os custos são realmente altos) e ainda possibilita o nosso crescimento. Além disso, recebe benefícios exclusivos. Temos vários projetos na mesa que só serão viabilizados com maior quantidade de assinantes. Saiba mais e assine agora mesmo.

Colunas mais recentes

Assine o Boletim da Liberdade e receba todas as segundas-feiras a coluna Panorama