Senado aprova projeto que regulamenta o Uber, mas PL voltará à Câmara

Embora tenham aprovado o texto-base do projeto que regulamenta aplicativos de transporte individual, emendas mudaram o teor do PL que, por isso, terá de voltar à Câmara dos Deputados

- Publicado no dia

O Senado Federal aprovou nesta terça-feira (31) o texto-base do projeto de lei que regulamenta aplicativos de transporte, como o Uber e o Cabify. A medida foi intensamente apoiada por grupos de taxistas, mas criticada pelas empresas e usuários dos aplicativos, bem como por diversos grupos pró-liberdade.

Apesar da aprovação, houve mudanças significativas no texto enviado originalmente pela Câmara dos Deputados. Por meio de emendas, os senadores derrubaram regras que previam, por exemplo, a obrigatoriedade da utilização de placas vermelhas e do registro dos carros nos nomes dos motoristas. Desse modo, o PL precisará voltar a ser apreciada pelos deputados.

+ Presidente do Instituto Liberal desabafa que Uber pede apoio, mas nunca ajudou

Comentários

Receba nosso conteúdo por e-mail


Leia também