E-book do Instituto Friedrich Naumann alcança mais de 4,6 mil downloads

“Empreender & Inovar – Faça a diferença com novos métodos e modelos de negócios” é ferramenta autodidática que aborda o poder emancipador da livre iniciativa

- Publicado no dia
Arte de divulgação do e-book (Foto: Divulgação / Instituto Friedrich Naumann)
Arte de divulgação do e-book (Foto: Divulgação / Instituto Friedrich Naumann)

O Instituto Friedrich Naumann divulgou o alcance de uma marca expressiva: lançado no final de 2016, o e-book gratuito Empreender & Inovar – Faça a diferença com novos métodos e modelos de negócios já conta com mais de 4,6 mil downloads. A obra, disponível neste link, aborda o potencial de emancipação do indivíduo oferecido pelo empreendedorismo, e foi editada em parceria com o Instituto de Estudos Avançados/DOT Digital Group.

De acordo com a Naumann, empreender é uma “expressão da liberdade” e significa “ser o protagonista do seu próprio destino por meio da livre iniciativa, gerando riqueza e solucionando problemas para a sociedade”. O livro tem o propósito de demonstrar “métodos inovadores para identificar novas demandas e atendê-las com eficiência”, permitindo uma atuação “qualificada” e diferenciada “no mundo dos negócios”. De forma dinâmica, com recurso a vídeos, gráficos e hiperlinks que ilustram cases de sucesso, a obra relaciona métodos e ferramentas para a inovação, conceitos modernos de empreendedorismo, novas tendências para oportunidades de negócio, uso de tecnologia, financiamento coletivo e estratégia organizacional.

Descrevendo o conteúdo do livro, a Naumann diz ainda que “a inovação é a matéria-prima do século XXI, uma vantagem competitiva para qualquer negócio”, e que as ideias ensinadas na obra podem ajudar a alcança-la. Em seu primeiro capítulo, o material trabalha “o papel determinante do empreendedor no sucesso ou fracasso de um empreendimento”, revelando “resultados de pesquisas sobre os empreendedores brasileiros”. O capítulo 2, concentrado no mercado, relaciona “tendências que geram oportunidades de negócios”, apresentando “o processo de uma pesquisa de mercado, além da elaboração e aplicação de questionário conforme a concepção dos produtos e serviços que se deseja comercializar”.

No terceiro capítulo, a Naumann “retrata as novas tecnologias na reinvenção da forma de empreender, com foco nas startups e na forma como elas têm revolucionado o mundo dos negócios”, com a exposição de conceitos atuais do empreendedorismo inovador e casos de empresas que se orientaram por esses princípios, bem como empregaram o financiamento coletivo. No capítulo 4, o livro versa sobre “métodos voltados para soluções inovadoras envolvendo o uso de tecnologia, seja para testar a receptividade de um produto web, seja para auxiliar a agregação de valor”. No quinto, fala-se de métodos “para promover a inovação”; no sexto, da “concepção de um modelo de negócio ideal”; no sétimo, dos “aspectos gerenciais de um negócio” e, finalmente, no oitavo capítulo, a Naumann traz as conclusões da obra.

Comentários

Receba nosso conteúdo por e-mail


Leia também