Arthur do Val, do ‘Mamãe Falei’, pede queda e prisão de Temer

Dono do canal “Mamãe Falei”, com mais de 500 mil inscritos, o youtuber e influenciador Arthur do Val se manifestou ainda na noite desta quarta-feira (17) em transmissão ao vivo no escritório do MBL

- Publicado no dia
Foto: Reprodução / Facebook
Foto: Reprodução / Facebook

O youtuber Arthur Moledo do Val, dono do canal “Mamãe Falei”, gravou um vídeo na noite de ontem (17) logo após a eclosão do mais recente escândalo que atingiu em cheio o governo Michel Temer. Transmitindo ao vivo do escritório do Movimento Brasil Livre, de onde apresenta o MBL News, Arthur explicou que ficou ciente das denúncias enquanto se dirigia à pré-estréia do filme Real – A História por trás do Plano.

“Nós estamos em um momento histórico, tão ou mais importante quanto o impeachment da Dilma”, avaliou o youtuber, que desejou a queda do presidente: “Eu espero que ele caia e seja preso. Ou então que ele renuncie antes, pois quanto mais tempo ele demore, pior é para o país.”

Arthur afirmou ainda que esse escândalo só piora a imagem do Brasil, pois prova o quanto a nação está “rodeada de corrupção”. “Os investimentos externos vão acabar e o que me dói mais é que a gente estava no meio de um processo que estava começando a fazer o país crescer”, observou, dando como exemplo o bom trâmite da reforma trabalhista no Congresso. “Com certeza o país vai parar de novo e passar por aquele processo traumático que só se fala de corrupção”.

+ Influenciadores pró-liberdade pedem a saída de Temer: confira as reações

+ “Sempre quis ser político e meu plano para 2018 é ser candidato”, diz Arthur do Val, do canal ‘Mamãe Falei’

+ Se houver eleições indiretas, NOVO e PSL/Livres poderão propor candidatos

Por fim, Arthur do Val salientou a relevância de reduzir logo o tamanho do estado: “Não adianta a gente agora pegar e falar ‘Fora, Temer’ e apoiar as ideias de esquerda, que originalmente aumentaram o estado e colocaram Lula, Dilma, Temer etc. Que todos sejam presos! Mas, acima de tudo, que a gente mude a nossa mentalidade e não caia de novo no conto da esquerda e realmente diminua o estado. Vamos diminuir o poder do estado e aumentar o poder das pessoas.”

 

 

Receba nossas notícias por e-mail


Leia também