Partido NOVO tenta devolver fundo partidário, mas não consegue

A legenda, em esforço por cumprir seus compromissos, quer que o valor volte para a União e não que seja redistribuído para outros partidos, mas processo se arrasta na Receita Federal

- Publicado no dia

O Partido NOVO nasceu com o propósito de inserir na política uma série de inovações, como o seu particular processo seletivo e o compromisso necessário com a redução do Estado. Uma dessas inovações é a recusa em utilizar os recursos do fundo partidário. Porém, conforme noticia o colunista de VEJA, Felipe Moura Brasil, a disposição da legenda está esbarrando em um obstáculo indigesto.

Segundo Felipe, o NOVO, ao receber os R$ 2 milhões a que tinha direito do fundo partidário, até, de fato, tentou devolvê-lo ao governo, mas acabou não conseguindo. Isso porque o partido não abre mão de que o dinheiro seja enviado de volta para o montante de recursos da União, mas a regra atual determina que o valor seja transferido para outros partidos.

A questão se arrasta já por três semanas na Receita Federal. Este Boletim ficará de olho e divulgará qualquer novidade sobre esse processo.

 

Comentários

Receba nosso conteúdo por e-mail


Leia também